Como Adestrar um Border Collie? Dicas Práticas para Treinar seu Filho de 4 Patas

Saber como adestrar um border collie é importante desde filhote. Afinal, o processo de educação torna-se mais fácil e eficiente quando o cachorro ainda é uma “criança”. Dessa forma, ele cresce sabendo o que pode ou não, e a ter boas maneiras.

Uma das raças de cachorro mais inteligentes que existe é o border collie. Não é à toa que ele ocupa o primeiro lugar no ranking de inteligência canina. Além de ser esperto, esse cão tem o seu instinto protetor.

Como adestrar border colline?

Se você quer saber como adestrar um border collie, preparamos esse texto para te ajudar. Ao longo dele vamos te dar algumas dicas e falar tudo sobre a raça.

Continue acompanhando e boa leitura!

Características do border collie

Antes de te mostrar como adestrar um border collie, vamos apresentar a você as principais características da raça. Em primeiro lugar, é preciso que você saiba que é possível encontrar diversas cores desse cão. Por exemplo, preto, branco, sable, tigrado e com duas cores.

Entretanto, mesmo com toda essa diversidade de cores, é bem raro encontrar um que seja totalmente branco!

Na verdade, o mais comum é encontrar um border collie que seja mesclado, com pelos que resultam em lindos desenhos em seu corpo. A combinação de cores dá a raça uma beleza, graça e leveza que são únicos.

Se um border collie fosse um ser humano, com certeza, seria um atleta. Afinal, ele é um corredor nato e nasceu para percorrer grandes pistas.

Além disso, como já dissemos, o border collie é uma raça inteligente, sempre atento e obediente aos comandos dados por seu tutor. A obediência faz parte do seu DNA.

Quando essa raça se sente sozinha ou sem atenção, pode se tornar um cachorro mais arredio. Ele também tem uma qualidade de pastoreio, mas que precisa ser controlada para que o cão não saia correndo atrás de qualquer coisa como, por exemplo, uma moto.

Quando tem a energia é direcionada para o bem, sem dúvidas o border collie pode ser um excelente companheiro, inclusive para exercícios físicos!

Border collie com crianças, estranhos e outros animais

O border collie é muito apegado à família, portanto, perto de estranhos ele pode ser um pouco mais reservado.

Em função do seu comportamento e porte físico, sempre que o cachorro estiver perto de crianças é recomendado que o tutor ou alguém responsável esteja presente. Afinal, é preciso supervisionar as suas brincadeiras.

Essa raça se dá bem com crianças mais velhas, pois elas já sabem brincar e correr, como ele gosta. Se a sua dúvida é em função a outros animais, o border collie se dá bem com os do sexo oposto.

Mas alertamos que é preciso tomar cuidado, pois o outro cachorro ou animal pode estranhar o jeito alegre esse cão!

Para que a convivência com outros animais não seja um problema, é preciso que ela seja estimulada desde filhote. Além disso, quando o cão for pequeno, deixe-o perto de crianças e outras pessoas para ele acostumar. Assim ele será um adulto que saberá lidar com diversas situações e pessoas.

Saiba como adestrar um border collie

Fazer o adestramento de um border collie é algo bem descomplicado, pois a raça é muito inteligente. Reunimos algumas dicas para você conseguir ensinar o seu cão. Confira:

Filhotes de três a seis meses

Quando filhote, o ideal é socializar o border collie para que ele tenha costume com outros cães e pessoas desde cedo. Além disso, é possível ensiná-lo alguns comandos básicos. Por exemplo, sentar, vem, quieto, chão, junto, aqui e deita.

Todos esses são comandos básicos de obediência, e que o filhote de border collie tem condições de aprender. Além desses, você pode treinar o cão a andar próximo a você sem a coleira.

Mas recomendamos que seja feito isso pela primeira vez em um local cercado para que o cachorro não fuja.

No entanto, como sabemos que os cães podem ter atitudes imprevisíveis, e em especial os cães de pastoreio, como é o caso do border collie pode perseguir outros animais, como aves, não recomendamos que eles passeiem sem coleira. A coleira proporciona mais segurança durante as caminhadas.

De seis a doze meses

Nessa fase você já consegue controlar os latidos do border collie. Outros comandos que a raça obedece nessa fase são para trazer algo ou rolar algum objeto. Nesse momento de como adestrar um border collie a raça já entende que você é o líder e, por isso, deve obedecer as suas ordens.

A inteligência e teimosia do cão permitem que ele aprenda os comandos mais rápidos. Afinal, ele nunca vai querer desapontar o seu dono.

Depois de um ano

O border collie depois de um ano aprende muitas coisas, portanto, você pode ensinar ao seu o que quiser. Além disso, essa é a fase ideal para levá-lo a um treinador profissional.

O especialista ensinará a ele coisas como trazer o jornal, levar o seu prato para o lugar certo e outros truques interessantes.

Dicas para adestrar um border collie

Como adestrar border colline?

Mesmo o border collie sendo conhecido pelo seu grande poder de concentração, isso pode deixá-lo um pouco exausto. Por isso, as sessões de treinamento devem ser entre 10 e 15 minutos.

Além disso, o reforço positivo é importante para conquistar bons resultados do border collie. Portanto, castigos e gritos não devem fazer parte do seu repertório de treinamento. Seja dessa ou de qualquer outra raça. Um “não” dito de forma firme já é o suficiente para repreender o cão.

Os cães identificam muito bem nosso tom de voz. Portanto, quando usar um tom de voz mais feliz, o border collie vai associar a algo positivo, e quando usar um tom de voz mais firme, o cão também vai compreender. Não grite! Seja apenas firme para repreender.

Use petiscos para te ajudar no adestramento ou palavras de incentivo!

A paciência e persistência farão você ter sucesso no adestramento do seu filhote. Dessa forma você vai poder desfrutar de uma companhia extremamente incrível!

Qualidades do border collie que facilitam o seu adestramento

Você já sabe como adestrar um border collie. Aliás, a função não dá muito trabalho. Para que você conheça mais sobre a raça, veja abaixo algumas características que facilitam o treinamento desse cão:

  • Determinação: a raça é muito teimosa em tudo o que faz, por isso, ele não vai parar até que consiga aprender algo que você o ensinou. Além de entender e compreender perfeitamente o seu comando. O cachorro possui grande capacidade de aprendizado e atenção, sendo assim, sempre estará atento a tudo o que você disser;
  • Obediência: uma das características mais marcantes desta raça é ser um cachorro obediente. Sendo assim, ele sempre vai acatar todas as suas ordens, não importa as circunstâncias. Quem tem um cachorro dessa raça sempre diz que ele é muito obediente, mais um motivo para educá-lo com perfeição;
  • Tranquilidade: normalmente, o border collie é bem tranquilo, mesmo não sendo um cão de raça pequena. Portanto, ele não é uma raça agressiva e nem hiperativa, ou seja, é ideal para estar em família. Por isso, se treiná-lo corretamente será um perfeito pet para se ter em casa;
  • Inteligência: a raça é muito inteligente e permite que seja facilmente adestrada. Isso ajuda o border collie a compreender as ordens mais complicadas;
  • Cão pastor: por anos, essa raça foi usada como cão pastor, garantindo um instinto de proteção. Portanto, esse é um cão perfeito para também ser de guarda, pois o border collie protegerá a sua família seja qual for a situação. Além de ser um cão muito companheiro.

Qual o tempo de adestramento de border collie?

Isso vai depender de quanto tempo e esforço você pode colocar no treinamento. Afinal, uma pessoa que dedica mais tempo educando o seu cão e integrando novas habilidades à rotina diária tem uma enorme vantagem sobre alguém que só faz a lição de casa uma ou duas vezes por semana.

Mas o ideal mesmo é treinar um pouquinho todos os dias!

Além disso, a idade do seu cachorro conta bastante. Como você sabe, os filhotes aprendem mais rápidos e não tem hábitos que sejam indesejáveis ou que precisam ser alterados.

Em contrapartida, os cachorros mais velhos podem ter sucesso, mas no treinamento sempre é preciso tirar um hábito aqui ou ali. Portanto, substituí-lo por um comportamento mais apropriado exigirá mais tempo.

O border collie necessita de exercícios

Os cães desta raça exigem mais atividades para os seus altos níveis de energia. Portanto, somente jogar uma bola no quintal ou levando-o em uma rápida caminhada ao redor do quarteirão pode não ser o suficiente.

Esse cachorro é um animal que exige atividades de alta energia para poder sentir-se satisfeito. Exercícios de agilidade também são essenciais para os cachorros da raça border collie gastarem sua energia.

Os cães de apartamento tendem a se exercitar menos, se é o caso do seu cão, vale intensificar as caminhadas.

Mas se você tiver um bom espaço em casa, com certeza, o seu cão vai aproveitar todos os cantos. Afinal, ele vai correr, pular e gastar toda energia possível!

Gostou do conteúdo? Deixe seu opinião nos comentários!

Você ganhou 10% de Desconto na Petlove

Utilize o cupom

AMORAOSPETS

Clique no botão abaixo e faça o seu pedido agora mesmo.

*Válido apenas na primeira compra